top of page
Buscar
  • Foto do escritorDiogo Braga Crônicas

ASPIRADOR DE POPI (Crônica n° 61)

Atualizado: 3 de nov. de 2021

Comprei aquele aspirador de pó que é um robozinho, sabe? Quando olho pra ele penso que o futuro é muito mais sem graça do que os Jetson nos fizeram acreditar.


Liguei e ele começou a patinar pelo chão da sala fazendo um barulho horrendo que se misturava com gritinhos de “pega papai” que minha filha entoava enquanto corria atrás do robô.


Toda vez que eu ligo ele é uma festa. Minha filha botando brinquedos para passear em cima dele, pulando por cima como se ele fosse uma fogueira de festa junina e gritando “vamos pegar o aspirador de popi”!


Aspirador de Popi! Não consigo chamar mais o aspirador de outra coisa se não de POPI. Sentei no sofá para acabar o café comendo uma torrada. Ganhei um abraço da minha filha que pulou no meu colo fugindo do robô. E eu, com 11kgs de sonho no colo, pensei que aquele robô aspirador de POPI não aspira muito bem, mas que valeu cada centavo.


Aquele robô não era como no futuro maravilhoso dos Jetsons, mas naquele momento o presente era o único lugar que eu gostaria de estar.

27/02/2021 (Crônica n° 61)

Diogo Braga Crônicas




Crônicas em podcast, Spotify (Braga Crônicas), Instagram (@DiogoBragaCronicas) e Youtube (Braga Crônicas). Medium (@bragacronicas).



--- E se você se identificou ou gosta das histórias que eu conto, comenta, salva, compartilha, se inscreve, ativa as notificações, mostra pro coleguinha, faz tudo e me ajuda a espalhar a palavra! E se você quer compartilhar uma história sua comigo, me manda um e-mail para bragacronicas@gmail.com ou me envia um áudio pelo direct do instagram que é @diogobragacronicas.


No mais, meus votos de uma vida com gosto de açúcar nos lábios e até a próxima!


Diogo Braga.


0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

TODO GATO É MALVADO (Crônica n° 82)

“Todo gato é malvado!” Tento incutir na cabeça da minha filha de 4 anos. “Não é não, gato é bonzinho” ela responde me dando língua. É inocente quem pensa que os pais têm o poder absoluto de moldar a

TRADIÇÃO DE DIOGOS (Crônica n° 81)

Na minha família há uma tradição de Diogos. No caso, o nome mesmo. E meu pai, de nome Diogo, em um momento de curiosidade, contou, fez uns telefonemas para os familiares, primos próximos e distantes e

UVAS DESCOBRIDORAS (Crônica n° 80)

Comendo uvas, estava eu jogado e embriagado de sono na mesa do café. O pote de sorvete à minha frente, sem sorvete, apenas um cacho onde em cada gravetinho morava uma uva verde e eu, aleatoriamente, p

Comments


bottom of page